sexta-feira, 17 de novembro de 2017

"Se amanhã eu não estiver cá..."

Um texto de uma mãe para um filho, que todas as pessoas deviam ler!
Se amanhã eu não estiver cá…
“Há dias em que não me é fácil saber que não chego para as encomendas, que me questiono ser a mãe que precisas, que fico com os nervos em franja e não tenho a calma suficiente para falar contigo e fazer-te entender que apenas quero o melhor para ti. Que o teu bem é a minha felicidade maior e o motivo pelo qual eu vivo.
Às vezes olho para ti e perco-me em pensamentos de como será que vês o mundo e como encaixarás nele ao longo da tua vida. Não consigo evitar de pensar na minha mãe, que me conhecia tão bem que sabia exatamente o tipo de filho que eu teria. Também ela certamente pensou vezes sem conta no meu futuro e no dos meus irmãos, principalmente quando soube que não iria estar para nos acompanhar e fazer parte dele.
Se amanhã eu não estiver cá meu filho, não quero saber se dobras o pijama ou se andas descalço no chão frio.
Quero apenas saber que escolhes o caminho do bem, que respeitas as escolhas dos outros e não deixas que desrespeitem as tuas. Aceita as partidas da vida como experiências que te enriquecem e ainda que chores, não te prendas a elas.
Voa o mais alto que possas fora e acima de tudo dentro de ti. Encontra o silêncio da respiração e aprende a estar sozinho porque é aí que a maior parte das respostas residem, em ti.
Não optes pelo fácil só porque é fácil e aquilo que fizeres, faz com dedicação e com amor (ainda que em alguma altura pareça o contrário isso será sempre recompensado).
Ajuda quem podes e não fiques à espera que te ajudem, mas também não recuses a ajuda quando ela chegar.
Fica atento, porque há sempre alguém por perto merecedor do teu amor mas também há quem não o mereça de todo. Aprende a distingui-los e não desperdices a tua energia.
A vida pode não ser nada daquilo que esperas dela, mas será sempre essa tua coragem, determinação e sentido de humor que te farão único e que servirão de ferramentas para te adaptares aquilo que virá.
Se amanhã eu não estiver cá para te dar a mão e a vida apertar, lembra-te que ela é como o mar com ondas intercaladas ora de alegria ora de revolta … por isso nas ondas pesadas, respira, mergulha e deixa-as passar.
Quando vieres à tona já tudo aliviou!
Com amor da mãe.”
Autor/Fonte: Mum to son

*

É isto e muito mais... :)

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

10 anos de blog…

Tenho-o desde 2007, como é possível já terem passado 10 anos?
Tanto tempo.
Volto e meia venho cá e releio algumas das coisas que fui escrevendo e que me trás lembranças, onde parece que tudo aconteceu ontem.
De uma coisa estou orgulhosa e gabo-me por isso tornei-me numa mulher, mãe, esposa que nunca pensei ser capaz de o ser, superei-me a mim mesma, nasci mesmo com o dom do lar.
O meu lar, a minha família é onde encontro o meu equilíbrio, sem eles não sou nada.
Antes de 2007 também houve uma vida! Parece que foi outra vida, com outro rumo … antes da internet, antes de ter entrado para a Universidade, antes de ter conhecido o meu marido…
E ao olhar para trás recordo uma miúda, um pouco sem objectivos, sonhadora sim, mas acomodada com o que tinha, mas a verdade também é que aquilo era o suficiente para ser feliz…
Para tudo há um tempo e uma vontade!
A miúda cresceu a todos os níveis e a vida deu uma volta.
O blog será para continuar… gosto de cá vir… gosto de escrever as minhas coisas e andar por aqui.


Aguardem-me …  

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

22 meses

Hoje o meu Vi faz 22 meses... esta foto que hoje partilho foi tirada no dia em que ele fez 10 meses, há precisamente 1 ano atrás... o tempo está a passar demasiadamente rápido... uns dias desejo que assim seja, outros dias simplesmente desejo que ele fique bebe para sempre... o que importa é que sinto e sinto mesmo, com todas as minhas forças e sensações possíveis e imagináveis, que estou a aproveitar todos os momentos e a sugar todos estes sentimentos maravilhosos que o papel de mãe me dá... sem dúvida que é o melhor papel da minha vida. É um amor que não se explica, apenas se sente.


quinta-feira, 22 de setembro de 2016

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

fim do verão.. ou inicio do outono?

sempre encarei esta época mais ou menos bem. porque apesar de ser o fim do verão, não deixa de ser o inicio de uma nova etapa, no meu caso, o inicio de mais um ano de trabalho e também porque tenho o meu aniversário mesmo à porta. depois tenho o aniversário do meu Vi em Novembro e depois já é Natal. passa tão rápido e com a agenda sempre cheia. por isso o verão não me deixa saudades, mas deixa lembranças maravilhosas. até para o ano verão... e olá outono! :)

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Creche

Começou no passado dia 5 de Setembro. Correu muito bem nos primeiros dias. No último dia da semana ficou a chorar o meu Vi. Fiquei de coração partido. Mas como toda a gente diz "faz parte". Esta semana o choro manteve-se, tendo vindo a diminuir conforme a semana passa. O que me vale é que sei que o choro dura pouco tempo e que ele se tem adaptado bem, come bem e dorme bem. Ao fim do dia quem o vai buscar são os avós e outros dias é o Pai. Corre tudo dentro da normalidade e agora é um dia de cada vez... confesso que me queixo, mas ao mesmo tempo adoro a rotina que tenho de manhã com ele, Será para sempre o meu bebe pequenino <3 3="" p="">

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

... quase 3 anos depois ...

I'm back.. tanta coisa mudou!
Comprei casa, casei, fui mãe... olho para trás e a minha vida deu uma volta de 360º graus positivos!! Muito positivos diga-se... :)
I'm happy... vou tentar manter isto mais atualizado!

Aguardem-me ;)

"Se amanhã eu não estiver cá..."

Um texto de uma mãe para um filho, que todas as pessoas deviam ler! Se amanhã eu não estiver cá… “Há dias em que não me é fácil saber q...