quarta-feira, 27 de agosto de 2008

“Bekas” doente…


O meu Black, o meu fofo, a nossa companhia, o meu “Bekas” nos momentos de mimo… está doente :(

À cerca de 2 ou 3 anos, já não sei precisar, foi atropelado.. viu um cão do outro lado do passeio, ia sem a trela, deu a correr e passou a estrada, e um carro passou-lhe por cima.. mas apenas na parte de trás (zona do rabo).. mas ele nunca ficou bem de uma das patas de trás, mas nunca chegamos a operar…

Entretanto o tempo passou e volta e meia dá-lhe umas crises, porque ele também salta de qualquer maneira, e volta e meia lá cai mal e a dor torna-se mais acentuada e lá tem que ir a minha mãe com ele a correr para a Veterinária…

Mas desta vez foi diferente e pior.. ele acordou e nem andar, andava... :(

Depois a minha mãe lá lhe deu um bennuron e ele pôs-se a pé, mas parecia embriagado o meu bichinho, andava todo torto das patas de trás, e outras vezes nem se tinha de pé… angustia-me tanto vê-lo assim.. ele tem tanta vida, nem parece o meu cachorrinho desde sempre.. :(

Entretanto os meus pais lá foram com ele à veterinária, lá o examinou e chegou à conclusão que deverá ser uma hérnia na coluna.. fez-lhe análises e administrou-lhe uns medicamentos para se fazer um tratamento..

A ver vamos como reage nestes dias.. espero sinceramente que recupere rápido e que volte a ter a energia que tanto o caracteriza…

Aguardem-me…

12 comentários:

Lua disse...

As melhoras para o teu bichinho!:)

Beijinho*

Paula'maria disse...

Isa sinceramente não ligo nenhum a qualquer tipo de animais, vou ser fria no que vou dizer, mas detesto! Tenho duas cadelas e não lhes ligo nenhum, porque não gosto delas, nem de nenhum animal! Não me fazem diferença --' é puro trauma!
Mas fiquei emocionada com esta historia! as melhoras para ele *

O Profeta disse...

Uma rosa breve
Uma hortênsia de alva cor
A terra molhada pelo sereno
Nos celeste paira um Açor

A madeira verde, a dança do fogo
O embalo do loureiro no vento, o alecrim
Um ribeiro de inquietas águas
Levam o perfume das mágoas em viagem sem fim


Convido-te a sentir a minha paleta de aromas


Mágico beijo

blue disse...

Olá minha querida! Também espero que o teu Bekas recupere rapidamente e volte a pular como antes.

ps - Gostava de saber porque é que o teu cão tem o mesmo nome que a alcunha do meu filhote :p looool
Beijocas grandes lindona

Isa disse...

lua,

Obrigada!

Beijinho*

Isa disse...

paula'maria,

Mais vale sermos autênticos, do que hipócritas e cinicos..
Mas sempre ouvi dizer que quem n gosta de animais... (...) mas isso sao "ditos"...
Eu adoro o meu Black, é um membro da familia, já n nos imaginamos sem ele.. e mesmo a mãe nunca imaginou dispender tanto dinheiro com um animal, mas já disse que por ele fará tudo que tiver ao alcance dela... está a ser um pouco angustiante.. porque agora para alem do problema da coluna, tem uma gastrite e anemia no sangue...:(
Ando um pouco em baixo.. mas a ver vamos se nos proximos dias o tratamento surte algum efeito...

Beijo*

Isa disse...

Profeta,

como poderia recusar tal convite?
Já lá estou...

Beijo*

Isa disse...

blue,

Obrigada pela força, resta-nos aguardar...
Quanto a diminutivo "Bekas" sou praticamente sou eu que lhe chamo isso... porque o nome dele é Black... mas qd tou no mimo com ele é Bekas ou Bekinhas que lhe chamo, é o meu fofo peludo :)

Beijocas querida*

JOTA ENE ® disse...

Como gosto de caes, fiquei comovido com a tua historia e solidario com a mesma.

Saúde pro "Bekas"

Isa disse...

jota ene,

Obrigada!
(Mas ele ainda não aparenta sinais de melhoras :( )

Sara disse...

Tive uma cadela, a minha querida Eddie, que teve uma hérnia discal. Uma manhã, a descer as escadas, caiu e deixou de andar. Foi operada no Hospital Veterinário do Porto, fizemos-lhe fisioterapia em casa e ela ficou bem melhor! Nunca mais saltou, é certo... Mas até conseguiu voltar a correr. Trocava um pouco as patitas, mas recuperou a sua alegria. Convém é vigiar a saúde do cão, se resolver operar, e estar atento ao coração, rins, etc. No caso da Eddie, valeu bem a pena...
Desejo as melhoras do seu Bekas.

Isa disse...

sara,

obrigada :)

"Se amanhã eu não estiver cá..."

Um texto de uma mãe para um filho, que todas as pessoas deviam ler! Se amanhã eu não estiver cá… “Há dias em que não me é fácil saber q...