terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Palavras...


Soltas…
Vagas…
Vãs…
Perdidas…

Poucas, muitas…
Melhores, piores…
Boas, más…

Assim se acham por ai, por aqui…
Sem fim… sem rumo…
Em sintonia e sem ela…
Que se aprecia ou não…

Grandes, pequenas…
Articuladas em frases
Com ou sem sentido…
Apreciadas…
Melhoradas…
Medidas…
Controladas…

Há as que são descontextualizadas
E que mesmo assim fazem todo o sentido
Para quem lê…
Entende…
E tem sensibilidade para tal…

E assim nos lemos, desmedidamente
Com dedicação, afecto e atenção…



Aguardem-me

Sem comentários: