segunda-feira, 17 de setembro de 2007

Virgula, que amou…


Li ontem na revista do J. N. um artigo de opinião do jornalista Joel Neto, em que falava de um Pintor que faleceu de nome Pinho Dinis e que um dos últimos desejos dele seria que de futuro quando falassem do nome dele por algum motivo, colocassem “Virgula, que amou Coimbra”… por exemplo: “Pinho Dinis, que amou Coimbra”…

Deixou-me a pensar… eu nesta fase da minha vida ainda não poderia definir nada de tão grandioso para colocar em frente do meu nome e muito sinceramente nem sei se conseguiria especificar algo… mas, verdade seja dita, tal definição vai da grande vivência que o pintor teve… vivências essas, que eu ainda não tenho e talvez por isso não me atreva a definir-me assim… mas posso numerar uns quantos…

Amo os meus Pais… os meus queridos Pais, que só me querem bem e eu o bem deles…
Amo o meu irmão… sangue do meu sangue, é ele… é um amor de facto superior, se algo de errado se passa com ele sinto o meu coração apertado e agoniado… quero sempre o melhor para ele e aconselho-o sempre da melhor maneira possível e com o passar dos anos a nossa relação tem vindo a crescer e ele tem-se tornado num miúdo cinco estrelas…
Amo a minha cidade, o berço de Portugal… adoro este recanto do nosso Portugal, para mim não há cidade melhor para se estar, para se sentir… vivo e trabalho no centro desta cidade e não me canso dela, sinto-me uma privilegiada por passar por estas ruas com tanta história todos os dias, vivo e respiro esta cidade como ninguém…

Et

Je t’aime…

Por isso da minha parte seria muito egoísmo ter de escolher algo… chego mesmo a afirmar que impossível… óbvio que são amores diferentes… mas são todas formas de amar… mas, também ainda tenho tanto para viver, para sentir… mas neste momento e porque a vida é feita de momentos, o que amo acima de tudo foi o que numerei e elevei agora e aqui…

Aguardem-me…

16 comentários:

Helena disse...

Hum, uma forma bonita de Amar... :)

Mas acho que Ama o de mais importante a familia... :)

Um beijinho e um sorriso

Isa disse...

Helena,

sem dúvida que tenho pela minha familia um amor incondicional.. sao o meu suporte e tudo p mim.. :)

beijinhos e dia lindo p ti *

Entre linhas... disse...

Uma forma muito bonita de amar,mas o amor incondicional surge com a nossa família.
Bj Zita

Jasmim disse...

São tantos ao Amores que na verdade para mim também seria dificl escolher algum para colocar depois da vírgula!

Mas acredito que com o passar do tempo iremos sentir qual deles nos definiria!

Beijinho bem docinho em ti
*

Isa disse...

entre linhas,

li o seu comentário, mas n sei o que se passou que o comment n foi assumido... :)

um sorriso p si e um beijinho .)*

Isa disse...

jasmim,

:-)

um beijinho e dia lindo p ti *

Simplesmente...Joana disse...

Todos amores diferentes, mas todos com a mesma fonte... O teu ser...
Certamente colocaria o mesmo que o tal senhor que faleceu.... o nome dessa cidade que te acolhe..., porque não te acolhe só a ti, mas também tudo aquilo que amas (suponho eu)...

Beijooo

Até já!**

ternura disse...

Bem: o meu nome, e depois que poria eu?
Não sei.
Talvez o futuro o diga, porque actualmente são muitas as pessoas e os lugares que amo, cada uma com um significado especial, daí eu não preterir nenhuma.
Com que então a menina é de Guimarães?
Muito bem, bonita cidade .
Adoro o minho.
Mas mais do que guimarães, adoro Viana do Castelo.
PPPPPPP
:-)
Beijito

Luz&Amor disse...

Que linda colocação, adorei.
Passando pra deixar beijinhos a ti.
Bjs

Isa disse...

simplesmente...joana,

quem sabe.. de facto tens razao, esta cidade acolhe-nos a todos, mas neste momento ainda n seria capaz.. nem sei se algum dia serei :)

beijinho em ti *

Isa disse...

ternura,

lololol

mas Guimarães é o berço da "naçom" caraguh lololol

brinco...

beijinho *

Isa disse...

luz&amor,

obrigada..

1beijinho *

kakauzinha disse...

Querida Isa, e eu adoro Guimarães, é como dizes, é o berço da naçom, caraguh! eheheh!

E todos os nossos amores são lindos, a família, os amigos, o "Ele" especial que temos, a nossa terra, enfim, temos sempre a capacidade de amar mais e mais.

Beijinhos, sorrisos*****:)

Andrea disse...

Eu gostaria que escrevessem...
Andrea Duarte, amou a vida...

beijo *

Isa disse...

kakau..

que a vida seja sempre cheia de amores.. :)

beijinhos*

Isa disse...

andrea,

como sempre.. tás lá ;-) *